8 maneiras de ver a Teoria da Relatividade de Einstein na vida real

“Nós somos produtos de coisas transformadas e dispersas por [supernovas]”, disse Moore. “Se a relatividade não existisse, mesmo as estrelas mais massivas terminariam suas vidas como anãs brancas, nunca explodindo, e não estaríamos por perto para pensar sobre isso”.

S U P R I M A T E C

A relatividade é uma das mais famosas teorias científicas do século XX, mas como isso explica as coisas que vemos na nossa vida diária?

Formulado por Albert Einstein em 1905, a teoria da relatividade é a noção de que as leis da física são as mesmas em toda parte. A teoria explica o comportamento dos objetos no espaço e no tempo, e pode ser usado para prever tudo, desde a existência de buracos negros até a flexão da luz devido à gravidade, ao comportamento do planeta Mercúrio em sua órbita.

10 fatos científicos sobre os buracos negros que você precisa saber

A teoria é enganosamente simples. Em primeiro lugar, não existe um quadro de referência “absoluto”. Cada vez que você mede a velocidade de um objeto, ou seu momento, ou como experimenta o tempo, está sempre em relação a outra coisa. Em segundo lugar, a velocidade da luz é a…

Ver o post original 1.611 mais palavras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s