Psicanálise é considerada pseudociência!

Créditos imagem: pinimg.com

Quanto mais a ciência avança, mais precisão temos em nossos estudos e análises. Utilizando o repertório técnico científico de hoje que se atualiza e avança no tempo, as dúvidas que tínhamos sobre métodos alternativos de tratamento psicológico, que neste caso é a psicanálise, ganhou pleno status de pseudociência.

Os critérios que foram determinantes nessa classificação podem ser estudados e analisados conforme o resumo abaixo. Hoje nossa referência mais assertiva para determinar o que é ou não uma pseudociência, situasse na nova demarcação do conhecimento: CVJV.

Obs.: pseudociência é PCI (um produto de crenças em inexistentes).

Resumo

Introdução: A psicanálise já foi classificada como pseudociência no passado. Karl Popper foi um daqueles que traçou objeções à doutrina psicanalítica, usando do critério da falseabilidade. Entretanto, a falseabilidade não pode mais ser considerada suficiente para resolver o problema, já que implica em dificuldades consideráveis, e melhores alternativas para abordar a questão estão disponíveis. Objetivo: Este artigo tem por objetivo avaliar o status científico da psicanálise em relação ao problema da demarcação. Método: Para fazer isso, o critério de Sven Ove Hansson foi utilizado: este consiste em um conjunto de condições suficientes e necessárias, que é complementado com uma lista de multicritérios que auxiliam a identificar pseudociências. Foi analisado o quanto a psicanálise se encaixava em cada um dos sete itens da lista de Hansson, além de ser proposta a adição de um oitavo item. Resultados: Os resultados mostraram que a psicanálise era compatível com todos os oito itens da lista de demarcação de pseudociências. Conclusão: Ao final, a conclusão foi de que mesmo que a falseabilidade deva ser descartada, as evidências sugerem que ainda temos motivos suficientes para afirmar que a psicanálise é uma pseudociência, já que ela se distancia significativamente dos padrões de qualidade científicos.

Qual a diferença entre Ciência e Pseudociência?

A diferença reside nos métodos utilizados, a ciência usa CVJV e as pseudociências não.

Clique aqui para acesso direto ao artigo original em PDF

Referências Bibliográficas

Ferreira C de MC – [citado 31º de outubro de 2021];11:1-33. Disponível em: https://revistardp.org.br/revista/article/view/58

Será a psicanálise uma pseudociência? Reavaliando a doutrina utilizando uma lista de multicritérios!

Xeque Mate nas crenças em inexistentes – O conhecimento precisa ser verdadeiro, justificado e válido!

Introduction to Formal Philosophy – Sven Ove Hansson, Vincent F. Hendricks

The Ethics of Technology Methods and Approaches – Sven Ove HanssonTechnology and Mathematics, Philosophical and Historical Investigations – Sven Ove Hansson

Technology and Mathematics, Philosophical and Historical Investigations – Sven Ove Hansson

Psiconet.com

Psicanálise não pode ser exercida como profissão no Brasil

4 comentários em “Psicanálise é considerada pseudociência!

    1. Prezado Dr. Orlando

      Quem chegou nessa conclusão foram os próprios pesquisadores da área médica (seus colegas), acesse as referências postadas pela pesquisadora: Clarice de Medeiros Chaves Ferreira. Segue o trabalho principal de referência: https://revistardp.org.br/revista/article/view/58/205

      https://orcid.org/0000-0002-0766-1827

      “O artigo apontou que a psicanálise – não apenas em sua versão clássica, mas também a contemporânea – se enquadra em todos os sete itens da lista de multicritérios de Hansson. Ela também se encaixa no oitavo item apresentado neste trabalho.”

      Também investigo esse tema há mais de 15 anos, detectei prós e contras, sendo 99% contra e somente 1% de trabalhos a favor.

      Inclusive li este artigo de um colega seu: Christian Ingo Lenz Dunker – Psicanalista. Professor titular do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo, Brasil.

      Clique para acessar o A1390.pdf

      Detectei um “erro degrau” inserido dentro das escolas e universidades e que é devastador para os professores, pesquisadores, etc. Esse erro foi causado pela ineficácia dos métodos utilizados por falta de atualização. Ex: achar que existe matemática na natureza. É por isso que não existe mente e nem mentalidade, os psicólogos ainda utilizam esses termos e está incorreto, pois são PC(I) (produto de crenças em inexistentes).

      Na minha opinião sincera sobre os assuntos envolvendo tanto a psicologia quanto à psicanálise, é que os métodos utilizados até o presente momento estão equivocados. O ser humano é 100% subespacial (divisão cognitiva), a compreensão deste fato pode ser constatado por toda a nossa tecnologia atual. E o que falta aos psicólogos e psiquiatras é compreenderem o (i) da questão, ou seja, é como tentar resolver uma equação cúbica negativa deprimida.

      Os dois pesquisadores que trabalham com a teoria da simulação cerebral ganharam o Nobel de medinica este ano, segue a confirmação abaixo:

      Press release The Nobel Prize in Physiology or Medicine 2021

      https://www.nobelprize.org/prizes/medicine/2021/press-release/

      https://www.nobelprize.org/prizes/medicine/2021/summary/

      Segue um exemplo bem claro:

      This Problem Broke Math (and led to quantum physics).

      Abs.

      Curtir

    2. A Psicanálise vem ajudando as pessoas desde a organização da “escuta terapêutica” por Freud no final do século XIX, sendo aperfeiçoada, discutida e reorientada por mestres como Ferenczi, Jung, Klein, Kohut, Bion, Winnicott, Lacan e tantos outros, que se preocupam com a saúde mental e consequentemente saúde psicossomática (todo) dos que a procuram para entender os transtornos, incômodos, perda de energia que nos acometem à todos. Recentemente o Neurocientista Mark Solms publicou um artigo baseado nas últimas pesquisas com Ressonância Magnética e outros equipamentos chamado “Freud estava certo”. Existem diversas sociedades pelo mundo inteiro de Neuropsicanálise que comprovam o efeito terapêutico da terapia. É muito pouco alguém, nesses tempos de politicamente correto e “lacração” do contrário, querer desvirtuar, reduzir ou simplesmente divulgar estudos certamente paciais e tendenciosos. Uma pena!

      Curtir

      1. Prezado Genaldo Vargas

        Concordo contigo, o que aconteceu com a psicanálise foi ela ter parado no tempo e esquecido de se reinventar para se posicionar como uma ciência. Mesmo a psicologia não consegue se livrar dos termos inadequados tais como: mente e mentalidade que remontam à época dualista de René Descartes.

        O nosso próprio sistema educacional aqui no Brasil foi prejudicado em razão da matemática do Vazio { } não ser ensinada, apenas passaram por cima e isso provocou uma regressão na capacidade das pessoas de adquirir conhecimento, pois sem vazio não pode existir o que definimos como conhecimento. As provas podem ser lidas aqui mesmo no blog. Abs.

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.