Não há mais espaço para Deus nas teorias sobre o surgimento do universo

Stephen Hawking é um dos principais autores científicos do mundo
Stephen Hawking é um dos principais autores científicos do mundo

O cientista britânico Stephen Hawking afirmou em seu novo livro que não há mais espaço para Deus nas teorias sobre o surgimento do universo. Para ele, o Big Bang foi simplesmente uma consequência da lei da gravidade.

“Não é necessário que evoquemos Deus para iluminar as coisas e criar o universo”, afirmou o estudioso. O livro, que teve trechos divulgados nesta quinta-feira, será publicado em partes no jornal “The Times”.

Enquanto em seu best-seller “Uma breve história do tempo”, publicado em 1988, o cientista sugeria que a ideia de que um Deus ou ser divino não é necessariamente incompatível com a compreensão científica do universo; em “The grand design”, seu novo trabalho, isso é negado devido à descoberta de um planeta que orbita uma estrela fora do Sistema Solar – sendo esse um marco contra a crença de Isaac Newton de que o universo não poderia ter surgido do caos.

“Por haver uma lei como a gravidade, o universo pode e irá criar a ele mesmo do nada. A criação espontânea é a razão pela qual algo existe ao invés de não existir nada, é a razão pela qual o universo existe, pela qual nós existimos”, comenta.

Fonte: AFP