Estamos vivendo numa era de inovação digital disruptiva

disruption-technologiesTecnologia disruptiva ou inovação disruptiva é um termo descrevendo a inovação tecnológica que utiliza uma estratégia “disruptiva” – para derrubar uma tecnologia ou prática existente e dominante no contexto onde estas se encontram. Disrupção é uma ruptura que surge como uma onda e cresce ao ponto de afetar dramaticamente qualquer produto ou serviço que poderá ser superado ou substituído por essa tendência.

A internet é o ambiente cuja inovação disruptiva tem sua origem

Com o aumento da velocidade dos links (conexões) de dados que chegam aos dispositivos conectados: sejam TVs digitais, Smartphones, Tablets, relógios inteligentes e aparelhos com internet embutida – os chamados IOTs (Internet of things – internet das coisas). As práticas (usos), os produtos e os serviços ofertados podem ser explorados livremente e independente de qualquer controle que antes era imposto por governos ou empresas que já atuavam nesse meio.

Exemplos de tecnologias disruptivas

Serviços

Buscador Google: busca com eficiência as informações submetidas.

Blogs: sistemas em formato de sites que possibilitam a publicação ou divulgação de informações; são gratuitos e já superam os principais sistemas de jornalismo e revistas digitais.

Redes Sociais: Facebook, Google+, Flicker, Instagran, Pinterest, etc.

Netflix: domina o streaming (fluxo contínuo de vídeo), oferece um serviço cujo preço é esmagador perto de outros canais digitais equivalentes como as TVs a cabo. No Brasil o preço da assinatura custa hoje R$ 19,90 mensal.

WhatsApp: chat em tempo real para tablets e smartphones.

Uber: é um produto e ao mesmo tempo um serviço de carona (acessado por meio de um aplicativo), cujos usuários chamam um carro particular para leva-los onde desejarem, tendo qualidade e em algumas praças, oferecem preços mais baixos do que os de taxis comuns encontrados nas principais cidades.

AirBnb: serviço de aluguel de hotéis que negocia o hotel ou pousada diretamente com o usuário por meio de um aplicativo.

Spotify: aplicativo que oferece milhões de músicas gratuitas, com a possibilidade de fazer coletâneas e compartilhar livremente nas redes sociais.

Wikipédia: um projeto de enciclopédia coletiva universal e multilíngue estabelecido na Internet sob o princípio wiki. A Wikipédia tem como objetivo fornecer um conteúdo reutilizável livre, objetivo e verificável​​, que todos possam editar e melhorar.

Ebooks: livros digitais que poder ser baixados livremente, tendo opções gratuitas e pagas.

Coursera: cursos gratuitos online para formação profissional e universitária, utilizam o método Curso Online Aberto e Massivo, do inglês Massive Open Online Course (MOOC), é um tipo de curso aberto ofertado por meio de ambientes virtuais de aprendizagem, ferramentas da Web 2.0 ou redes sociais que visam oferecer para um grande número de alunos a oportunidade de ampliar seus conhecimentos num processo de co-produção.

Produtos

Tesla Motors: carros elétricos e baterias residenciais ligadas a painéis solares.

Google e seus robôs e carros autônomos.

Apple com uma enorme variedade de produtos agregados.

Drones civis e militares que executam as mais diversas funções. Ex: robôs autônomos da Amazon para movimentar produtos em seus armazéns.

Intel e a IoT (Internet of Things – internet das coisas). Pretende conectar todo tipo de objetos como: óculos, copos, cafeteiras, camisetas, etc., na internet.

As tecnologias disruptivas vieram para ficar e os maiores beneficiários são os usuários que têm à sua disposição incontáveis opções de escolha com toda a liberdade que somente a internet pode oferecer.

Alguns exemplos de produtos que estarão em uso até 2020.

Amazon warehouse robots (Robôs no armazém da Amazon)

Humanoid Robots in Action (Robôs humanoides em ação) DARPA

Carros autônomos do Google

Korea Humanoid Robot (Robô humanoide da Coreia)

Fonte: TI Especialistas

Fonte: Wikipedia 

Fonte: Tec Hoje 

Azul é a cor mais quente (Adulto)

Azul é a cor mais quente
Clique na foto e assista diretamente via Youtube. (divulgação).

Para poder assistir diretamente via o link ao lado, é necessário estar logado no Google ou usar um Smartphone que identifique sua idade, caso contrário não poderá assistir se for menor de 18 anos.

La Vie d’Adèle (no original) é construído através das atuações de Adèle Exarchopoulos e Léa Seydoux. Elas brilham tanto que foram consideradas coautoras pelo júri de Cannes e acabaram levando a Palma de Ouro ao lado do diretor, o que não foi nenhum exagero. Elas se entregam de corpo e alma ao longa e protagonizam no mínimo três cenas memoráveis: a tão falada cena de sexo; a cena em que brigam; e a sequência num café.

A comunhão entre as duas atrizes é tão impressionante que em alguns momentos o espectador as verá sim como um ser único. Por causa disso, não há a possibilidade de alguém não se envolver com a relação ou sofrer com os momentos em que discutem.

O título original destaca que este é o capítulo 1 e 2 da saga de Adèle. É torcer para que diretor e atrizes queiram continuar com a história. Pois ao final dos 177 minutos de Azul é a Cor Mais Quente, a sensação que fica é a de quero mais.

Créditos da crítica:  Adoro Cinema

Créditos youtube: Valéria Santos

O Jeito Google de Trabalhar (Dublado HD) – National Geographic

Sinopse: Filmado nos escritórios da Google na China, Rússia e no Googleplex, sua sede no Vale do Silício, este documentário revela uma filosofia corporativa e uma postura singular entre as grandes empresas da atualidade.

Créditos: NATGEOnosferahcorp

Google disponibiliza mais de 3 milhões de livros grátis

3 milhões gratis
Crédito: Shutterstock.com

O Google já está disponibilizando mais de 3 milhões de livros em sua biblioteca virtual, vinculada à loja Google Play. Clique na foto do tablet (ao lado) e acesse via computador ou dispositivo móvel.

Fonte: Google

LHC já pode ser visitado no Google Street View

Clique na imagem e comece um passeio em 360º com o Google Street View.

A equipe do Google fez imagens panorâmicas de seis lados a cada três metros nos experimentos Alice, Atlas, CMS e LHCb, e no famoso túnel do LHC. As fotos em 360º mostram os laboratórios, os centros de controle e os túneis subterrâneos.

Para capturar as imagens, a equipe do Google trabalhou em parceria com o Cern durante duas semanas de 2011. Em junho deste ano, o Google voltou ao local e fotografou as ruas do centro com um sistema de câmera acoplado em uma bicicleta, o “Street View Trike”.

LHC – O Grande Acelerador de Hádrons é uma máquina com 27 quilômetros de comprimento, um circuito enterrado sob a fronteira franco-suíça. A máquina é capaz de fazer colisões de partículas, como prótons, a fim de recriar o Big Bang (a grande explosão que originou o universo) e testar os limites do Modelo Padrão, teoria moderna que explica o funcionamento físico do cosmos. Mas por causa da radiação, visitar o túnel durante os experimentos é uma tarefa impossível.

Como navegar pelos experimentos?

Controles do Google Street ViewPara ver as partes importantes do complexo e seus experimentos, clique nos números ou letras que representam as áreas de navegação, no lado superior esquerdo, na área de visualização do Google Street View.

Fonte: Ciências Info

Conheça Galápagos pelo Google Street View

Faça um passeio virtual emocionante pelas ilhas que foram palco das descobertas de Darwin. O Google anunciou nesta semana que os usuários agora podem visitar virtualmente a Ilha de Galápagos por meio do seu serviço Street View, que fornece imagens em 360 graus de diversos locais do mundo.

Localizada no Equador, a ilha é conhecida pela grande quantidade de espécies animais e por ter sido palco de uma expedição inovadora e histórica realizada por Charles Darwin em 1835. Veja mais informações sobre Darwin aqui!

Segundo a gigante de buscas, as imagens do local foram coletadas em maio deste ano usando o Street View Trekker.

Além de imagens da parte terrestre da ilha, o Google também conseguiu, por meio de parceria com o centro de pesquisas Catlin Seaview Survey, capturar fotos da vida marinha no local, incluindo leões marinhos.

Como acessar o Google Street View via navegador de internet (prefira o Google Chrome)?

  • Entre no endereço: https://www.google.com/maps/views/home
  • No campo Explorer digite: Ilhas Galápagos e dê Enter;
  • Amplie a imagem e clique sobre os pontos vermelhos para ampliar e fazer as visualizações;
  • Para mudar de lugar clique no quadro branco ao lado inferior esquerdo e volte a clicar nos pontos em vermelhos para acesso à rota de navegação.

Fonte: Idg Now

Google adquire Waze – o aplicativo de informações sobre trânsito

WazeO Google acabou de adquirir o aplicativo Israelense Waze, que faz um grande sucesso junto aos motoristas, cujo foco é o compartilhamento de rotas mais inteligentes e informações em tempo real sobre problemas típicos do trânsito.

Concorrência

Anteriormente, comentava-se que o Facebook e até mesmo a Apple também estariam na disputa pela compra da empresa israelense – no entanto, o CEO da “maçã”, Tim Cook, negou que a companhia tenha feito um lance pelo Waze.

Independência

De acordo com o executivo do Google, Brian McClendon, por enquanto a equipe de desenvolvimento do Waze continuará trabalhando em Israel de forma separada.

De olho no Google Maps

McClendon também comentou as possibilidades de melhorias do Google Maps com a aquisição. “Estamos animados com a possibilidade de melhorar o Google Maps com alguns dos recursos de atualização de trânsito fornecidos pelo Waze e também de melhorar o Waze com as capacidades de busca do Google.”

Fonte: Idgnow