Francesca Michielin – Nessun Grado di Separazione (Nenhum grau de separação – tradução)

Nessun Grado di Separazione

È la prima volta che mi capita

Prima mi chiudevo in una scatola

Sempre un po’ distante dalle cose della vita

Perché così profondamente non l’avevo mai sentita

E poi ho sentito un’emozione accendersi veloce

E farsi strada nel mio petto senza spegnere la voce

E non sentire più tensione solo vita dentro di me

Nessun grado di separazione

Nessun tipo di esitazione

Non c’è più nessuna divisione

Fra di noi

Siamo una sola direzione in questo universo

Che si muove

Non c’è nessun grado di separazione

Davo meno spazio al cuore e più alla mente

Sempre un passo indietro

E l’anima in allerta

E guardavo il mondo da una porta

Mai completamente aperta

E non da vicino

E no, non c’è alcuna esitazione

Finalmente dentro di me

Nessun grado di separazione

Nessun tipo di esitazione

Non c’è più nessuna divisione

Fra di noi

Siamo una sola direzione in questo universo

Che si muove

Nessun grado di separazione

Nessuna divisione

Nessun grado di separazione

Nessun tipo di esitazione

Non c’è più nessuna divisione

Nessuna esitazione

Siamo una sola direzione in questo universo

Che si muove

E poi ho sentito un’emozione accendersi veloce

E farsi strada nel mio petto senza spegnere la voce

Nenhum grau de separação

É a primeira vez que me acontece

Antes me fechava em uma caixa

Sempre um pouco longe das coisas da vida

Porque tão profundamente nunca antes a tinha percebida

Então eu senti uma emoção inflamar-se veloz

E fazer-se estrada no meu peito sem apagar a voz

E não sentir mais a tensão só vida dentro de mim

Nenhum grau de separação

Nenhum tipo de hesitação

Não há mais nenhuma divisão

Entre nós mesmos

Somos uma única direção neste universo

Que se move

Não há nenhum grau de separação

Dava menos espaço ao coração e mais a mente

Sempre um passo atrás

A alma em alerta

E olhava o mundo de uma porta

Nunca totalmente aberta

E não de perto

E não, não há alguma hesitação

Finalmente dentro de mim

Nenhum grau de separação

Nenhum tipo de hesitação

Não há mais nenhuma divisão

Entre nós mesmos

Somos uma única direção neste universo

Que se move

Nenhum grau de separação

Nenhuma divisão

Nenhum grau de separação

Nenhum tipo de hesitação

Não há mais nenhuma divisão

Nenhuma hesitações

Somos uma única direção neste universo

Que se move

Então eu senti uma emoção inflamar-se veloz

E fazer-se estrada no meu peito sem apagar a voz

Créditos: Eurovision Song Contest
Tradução: Vagalume

Azul é a cor mais quente (Adulto)

Azul é a cor mais quente
Clique na foto e assista diretamente via Youtube. (divulgação).

Para poder assistir diretamente via o link ao lado, é necessário estar logado no Google ou usar um Smartphone que identifique sua idade, caso contrário não poderá assistir se for menor de 18 anos.

La Vie d’Adèle (no original) é construído através das atuações de Adèle Exarchopoulos e Léa Seydoux. Elas brilham tanto que foram consideradas coautoras pelo júri de Cannes e acabaram levando a Palma de Ouro ao lado do diretor, o que não foi nenhum exagero. Elas se entregam de corpo e alma ao longa e protagonizam no mínimo três cenas memoráveis: a tão falada cena de sexo; a cena em que brigam; e a sequência num café.

A comunhão entre as duas atrizes é tão impressionante que em alguns momentos o espectador as verá sim como um ser único. Por causa disso, não há a possibilidade de alguém não se envolver com a relação ou sofrer com os momentos em que discutem.

O título original destaca que este é o capítulo 1 e 2 da saga de Adèle. É torcer para que diretor e atrizes queiram continuar com a história. Pois ao final dos 177 minutos de Azul é a Cor Mais Quente, a sensação que fica é a de quero mais.

Créditos da crítica:  Adoro Cinema

Créditos youtube: Valéria Santos

O melhor de Lindsey Stirling

Nascida em 21 de Setembro de 1986 Lindsey Stirling é uma violinista, dançarina, cantora e compositora. Com seu canal no YouTube criado em 2007, Lindseystomp, em homenagem à sua primeira banda Stomp, é a fonte principal de seus vídeos musicais.
Em 2011, o canal atingiu grande popularidade com mais de 375 milhões de visitas e 3,5 milhões de assinantes até novembro de 2013. A primeira turnê aconteceu nos Estados Unidos em 2012. Em 2013 iniciou sua turnê européia em 26 cidades.

Canal Lindsey Stirling: Lindseystomp

O Universo tem um Propósito?

Neil deGrasse Tyson é investigador associado do departamento de astrofísica no Museu Americano de História Natural, localizado em Nova Iorque Estados Unidos.


Concordo com as afirmações do cientista quando diz que temos 99,9999% de incertezas a respeito da vida e do universo, isso significa que toda a nossa afirmação sobre algo que conhecemos é insuficiente para concluir que existe uma finalidade para a vida e para o cosmos.

Fonte: Youtube

Física Moderna – Aulas de Mecânica Quântica e Teoria da Relatividade

Considero importante que compreendamos a Mecânica Quântica por meio do tratamento matemático adequado e esta é uma oportunidade para isso. Resolvi postar os vídeos aula sobre os principais temas abordados. É graças à Mecânica Quântica que hoje temos à nossa disposição dispositivos como Chips, telas Led e Oled, e principalmente os Computadores e Smartphones. A comunicação em tempo real pelo mundo a fora também é possível em razão de dominarmos os cálculos e equações de Fourier que tratam a transmissão de informações por meio das ondas eletromagnéticas.

A Teoria da Relatividade de Einstein é importante principalmente para a compreensão de nosso universo.

As aulas são ministradas pelo professor Jorge Sá Martins da Universidade Federal Fluminense.

Hipótese Atômica Introdução

Comportamento Ondulatório da Matéria

A Unidade de Massa Atômica

Conversão massa-energia

O Átomo de Rutherford

Continue lendo “Física Moderna – Aulas de Mecânica Quântica e Teoria da Relatividade”

The Pirate Bay – Away From Keyboard (longe do teclado) – Full HD

Estreou há uma semana no Festival de Cinema de Berlim e, no mesmo dia, foi disponibilizado integral e gratuitamente na Internet, para que todos possam ver sem pagar por isso. The Pirate Bay Away From Keyboard (The Pirate Bay – longe do teclado) é o documentário que acompanha o julgamento dos criadores de um dos maiores e mais conhecidos sites de compartilhamento Pirata da internet.

Quatro anos após o julgamento que condenou os criadores do The Pirate Bay – Gottfrid Svartholm, Fredrik Neij e Peter Sunde – a penas de prisão efetiva e a um total de mais de seis milhões de euros em indenizações, o filme realizado por Simon Klose volta a trazer para a mesa o debate sobre os direitos autorais, a liberdade de compartilhar arquivos online e o direito à cópia privada.

Os três Hackers Suecos foram processados por várias produtoras de Hollywood, bem como algumas empresas de Games, por criarem a rede de compartilhamentos que permitiu a distribuição de filmes e jogos protegidos por Copyright (direitos autorais).

Mas {TPB AFK – The Pirate Bay Away From Keyboard} foi um documentário feito para ser livremente compartilhado por todos sem qualquer contrapartida financeira direta para o seu realizador.

TPB-AFKNo site oficial do filme, Simon Klose explica que prefere que a sua obra seja divulgada gratuitamente, esperando receber benefícios futuros para outros projetos e, claro, para conseguir pagar suas contas.

Quanto mais pessoas virem o meu trabalho, maior impacto o filme terá. {Ao partilhar o filme gratuitamente estou também espalhando o meu nome, isso me ajudará a financiar filmes futuros}, escreveu o realizador.

Apesar de {TPB AFK} estar disponível no YouTube (onde conta com mais de 1,3 milhões de visualizações) e como download gratuito, quem quiser poderá também comprar o documentário em DVD ou formato digital.

Inserido na seção de documentários na 63ª Berlinale, {TPB AFK} não acompanha apenas os detalhes de um dos julgamentos mais midiáticos na Suécia, nos últimos anos, mas revela o lado humano e social de três simpáticos Hackers a quem Hollywood e a indústria do entretenimento encararam como ladrões, reclamando milhões de dólares, alegando prejuízos.

Para assistir em Full HD (internet 10 mbits/s) clique na engrenagem abaixo do vídeo e escolha a resolução desejada. Para ver as legendas em português, clique no quadrinho de legendas e escolha (Português-Brasil).

Fonte: TPB AFK

Adele – Show no Royal Albert Hall em Londres 1080 (HD)

Ela foi a primeira artista a receber o prêmio Critics’ Choice do BRIT Awards e foi nomeada “Artista Revelação” em 2008 pelos críticos da BBC. Em 2009, Adele ganhou dois Grammy Awards de “Artista Revelação” e “Melhor Vocal Pop Feminino” e em 2012 ganhou 6 Grammy Awards. Teve seu reconhecimento mundial ao lançar o álbum 21, bater vários recordes e dominar as paradas de sucesso nos Estados Unidos e Reino Unido com o single “Rolling In The Deep”. Dos prêmios mais marcantes, ela ganhou 8 Grammy Awards, incluindo o de “Álbum do Ano” em 2012 e três Brit Awards, em 2008 e 2012. Em 2012, Adele entrou para o Guiness Book por ser a primeira mulher a ter, ao mesmo tempo, duas músicas e dois álbuns no top 5 das paradas britânicas, fato esse, que anteriormente só a banda The Beatles tinham alcançado em 1964. Ela também superou recordes de grandes nomes da música como Michael Jackson, Whitney Houston, Madonna e Beyoncé.

Em 2011, a revista Billboard nomeou Adele a Artista do Ano. Em 2012, Adele foi listada na quinta posição da lista das 100 Grandes Mulheres da Música pela VH1. Já pela revista americana Time, ela foi eleita uma das pessoas mais influentes do mundo. Em julho de 2012, Adele foi listada na sexta posição da lista das celebridades com menos de 30 anos mais bem pagas e sucedidas do ano em 2011, segundo a Forbes.

Para alterar a qualidade do streamer (fluxo de vídeo), depois de dar o player clique no ícone engrenagem no rodapé do vídeo e defina a qualidade do fluxo que chega até 1080 para máxima qualidade, exigindo uma banda Adsl de 10 mbits/s para manter o fluxo em tempo real.

Curtam o melhor de Adele em HD

Fontes: Wikipedia Youtube

Conheça a Samsung Galaxy Câmera

A Samsung Galaxy Câmera já vem com o sistema operacional Android 4.1.

Durante a IFA, uma grande feira de eletrônicos que ocorreu no mês de setembro em Berlim, na Alemanha, a Samsung anunciou um produto bastante interessante à sua linha Galaxy — famosa pelos smartphones, em diversos modelos. A Samsung Galaxy Camera é uma câmera diferente das outras que a empresa já colocou à venda no mercado. Ao invés de um software próprio e conectividade simples (cabos ou WiFi, em alguns modelos mais caros), a aposta foi feita na combinação de duas categorias que a Samsung possui bastante conhecimento: Celulares e Câmeras.

O visual lembra bastante uma câmera convencional (Point and Shoot – aponte e fotografe), entretanto atrás existe apenas uma (grande) tela sensível ao toque. As especificações não deixam nada a desejar: sensor CMOS de 16 megapixels retroiluminado com uma lente super-angular de 23mm e zoom óptico de 21x — além de abertura com f/2.8.

Na parte Celular, temos uma configuração semelhante ao que encontramos em alguns aparelhos topo de linha — principalmente o Galaxy S III, da própria Samsung. O processador Exynos quad-core de 1.4GHz, 1GB de memória RAM e o sistema Android (4.1 Jelly Bean) permitirão que o usuário rode qualquer aplicativo ou jogo presente (ou não) na Google Play Store. A câmera-smartphone (não existe ainda um nome definido para esta categoria) tem 8GB de armazenamento interno (com espaço para cartões microSD de até 32GB), slot para cartão microSIM e suporte à redes WiFi, 3G e 4G. A tela situada na parte traseira do gadget tem densidade de 308 pixels por polegada, já que as 4.8 polegadas do display Super Clear exibem a resolução 720p — para a proteção, Gorilla Glass 2.

A câmera realmente “casa” as funcionalidades e possibilidades de um aparelho celular com o sensor de qualidade semelhante à DSLRs. A Samsung desenvolveu algumas melhorias aos modos de cenas que permitem capturar imagens e vídeo ao máximo que o conjunto suporta. Vídeos podem ser feitos em 1080p a 30 quadros por segundo, ou até 120fps (quando em 480p), possibilitando a filmagem de cenas em câmera lenta. Os modos de disparo são vários, cada um adaptado para certas situações cotidianas (e especiais). Existe um modo de captura chamado Light Trace, que basicamente é a tal fotografia de longa exposição. Creio que até profissionais do ramo fotográfico irão gostar do que a Samsung preparou.

O aparelho ainda não categorizado possui 305 gramas e mede 19.1mm de espessura. Ainda não temos informações de preço ou disponibildade.

Especificações técnicas completas

  • 16.3 MegaPixel Camera BSI/CMOS
  • 4.8″ HD Tela super HD, 308 ppi (pontos por polegada)
  • 3G, 4G e Wifi (conexões de rede)
  • 1.4 GHz Processador Quad-Core (quatro núcleos)
  • Android 4.1 Jelly Bean
  • 8GB Espanssíveis por meio de um Micro SD Card Slot
  • 1920×1080 @ 30fps Gravação de vídeo em alta definição
  • Slow Motion Movie Mode (câmera lenta) 720×480 @ 120 fps
  • Saída de vídeo HDMI 1.4
  • Serviços gratuitos do Google incluídos Ex: Play, Maps, G-Mail and Chrome
  • Wifi-Direct, GPS, Bluetooth 4.0
  • 1650 mAh (miliamperes hora) Li-on Bateria
  • 305g Peso

Fonte: www.conteudonerd.com

NASA divulga foto do ponto mais profundo do universo já registrado

A NASA (Agência espacial americada) divulga foto do ponto mais profundo do universo já registrado. A visão do homem em relação ao universo conseguiu ir um pouco mais longe. Isso graças a um trabalho de anos, que resultou na montagem da fotografia “mais distante” do espaço.

A foto na verdade é resultado da sobreposição de diversas imagens que o telescópio Hubble coletou ao longo da última década. Isso porque para capturar uma imagem tão distante, não basta apontar para determinado ponto. É necessário que a lente fique exposta por um longo tempo (no caso dez anos) para montar uma reprodução de determinada imagem do universo.

A imagem captou um espaço chamado “eXtreme Deep Field” (campo extremamente fundo, em tradução livre), que contempla cerca de 5.500 galáxias. No entanto, a maioria delas aparece de forma tão pequena na imagem que o olho humano não consegue detectar.

O mais curioso é que, nessa foto, a galáxia mais jovem de todas nasceu “apenas” 450 milhões de anos depois do Big Bang. Porém, na imagem também há galáxias com 13,2 bilhões de anos (cientistas estimam que o universo tem 13,7 bilhões de anos).

Fonte: Youtube – Wanverick